Goiânia ganha mais cinco estações de bicicletas compartilhadas

Cidade passa a contar com 20 estações de bicicletas compartilhadas e, pela primeira vez, duas voltadas exclusivamente ao público infantil

A Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Habitação (Seplanh), autorizou a instalação de cinco novas estações de bicicletas compartilhadas na Capital. Com as novas estações, a cidade passa contar com 20 pontos de compartilhamento que, juntos, disponibilizam 200 bicicletas de uso comunitário.

A novidade dessa vez é que duas das estações que serão instaladas na Capital nos próximos dias são exclusivamente voltadas para o público infantil, algo que já era solicitado pela população. “Há algum tempo temos recebido pedidos para que algumas bicicletas fossem adaptadas para o uso de crianças, entretanto, no modelo atualmente instalado não havia essa possibilidade”, afirma o secretário de Planejamento Urbano e Habitação de Goiânia, Henrique Alves.

As novas estações serão instaladas em três novos pontos da cidade. Duas delas estarão localizadas nas proximidades do Instituto Federal de Goiás (IFG) Mutirama e nas proximidades da Câmara Municipal de Goiânia, no cruzamento das avenidas Goiás e Independência, no setor Norte Ferroviário. Outras duas, uma adulta e outra infantil, serão instaladas no Parque Flamboyant, no Jardim Goiás, e, por último, na Praça do Sol, no Setor Oeste, que ganhará uma estação voltada ao público infantil.

O Sistema de Bicicletas Públicas GynDebike é um projeto da Prefeitura de Goiânia em parceria com a Unimed Goiânia e é operado através da concessão de uso de área pública pela empresa Serttel Ltda. Atualmente são disponibilizadas à população 150 bicicletas, espalhadas em 15 pontos estratégicos da cidade, onde a população, através de um aplicativo e mediante um cadastro prévio, pode retirar uma bicicleta e devolver em qualquer outra estação da Capital.

Desde que foi lançado pela Prefeitura de Goiânia, o GynDebike já propiciou a realização de mais de 157 mil viagens, de acordo com o site debikegoiania.com e a expectativa da Prefeitura de Goiânia é que, com o aumento do número de bicicletas compartilhadas e a ampliação do perímetro de localização das estações, o número de viagens chegue a marca de 300 mil até dezembro deste ano.

Willian Assunção, editoria de Planejamento Urbano e Habitação

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *