IPTU tem desconto acima da inflação

Até quinta-feira, 21, imposto que incide sobre propriedades imobiliárias pode ser quitado à vista com redução de 10% no valor devido. Goiânia tem o terceiro maior percentual de desconto entre as Capitais do país

Com o terceiro maior percentual de redução entre as Capitais do país, os 10% de desconto oferecidos pela Prefeitura de Goiânia para quem quitar o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) tornam o à vista a opção mais vantajosa para pagamento do tributo na próxima quinta-feira, 21. Isso porque, em Goiânia, a diferença entre a inflação oficial de 2018, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), e o desconto para o IPTU à vista chega a 5,61%. Taxa acima do rendimento da maior parte das aplicações mais conservadoras. De acordo com Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), a partir de estudo realizado no ano passado, em cidades cujo desconto no valor do IPTU supera 1,5% é melhor para o cidadão liquidar o débito em cota única ao invés de optar pelo parcelamento.

A recomendação de pagamento à vista se baseia no chamado ‘custo de oportunidade’, jargão econômico utilizado para avaliação de renúncia dos benefícios de uma decisão em detrimento de outra. No caso do IPTU, houve comparação entre o desconto disponibilizado pelas prefeituras e o retorno que seria possível caso o mesmo valor tivesse aplicado durante o período de parcelamento do débito que, no caso de Goiânia, é de até 11 meses. Considerando como exemplo o rendimento da poupança ou outra aplicação alternativa que renda 0,4% ao mês, sem cobrança de taxa de resgate, o parcelamento do IPTU não compensa.

Em Goiânia, o desconto para pagamento do IPTU à vista supera, inclusive, o retorno do dinheiro aplicado em Certificado de Depósito Bancário (CDB), em letras de crédito imobiliário (LCI) ou do agronegócio (LCA), isentas de imposto de renda. De acordo com o professor da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Samy Dana, se o retorno mensal líquido do CDB for de 0,7835%, descontos no IPTU superiores a 4,18% validam a quitação do tributo em cota única. Em relação às letras de crédito, se o retorno for estimado em 0,8442%, a liquidação do IPTU passa a ser vantajosa em descontos acima de 4,49%. Apenas aplicações com retornos líquidos acima de 1,88% ao mês superariam o desconto de 10% para pagamento à vista do imposto predial.

Para chegar a essa conclusão, a pesquisa do SPC considerou a média de parcelas e de abatimento em todos os Estados e capitais do Brasil. Em termos comparativos, A redução oferecida por São Paulo é de 3%; Curitiba, 4%, pelo Rio de Janeiro, 7%; por Brasília e Belo Horizonte, 5%. O ideal, segundo o estudo da empresa, é quitar o tributo com alguma reserva destinada especificamente para esse tipo de gasto. Os cidadãos que não têm dinheiro guardado devem optar pelo pagamento a prazo, mas iniciar planejamento ainda este ano para quitar à vista o imposto de 2020. Programação automática ou reserva mensal de determinado valor para quitação de compromissos sazonais estão entre as dicas.

Inflação
Outro fator que aumenta a vantagem do pagamento à vista do IPTU é a inflação de 2018, cujo acumulado foi de 4,39%, segundo o IPCA. Como em Goiânia o valor para quitar o tributo é 10% menor do que o preço para pagamento em até 11 vezes, desde que respeitada parcela mínima de R$ 25,60; o contribuinte que pagar à vista tem desconto real de 5,61%. Redução que, de acordo com o caso, pode significar pagamento de imposto abaixo do que foi cobrado em 2018.

Tanto para quitar à vista quanto para pagamento mensal do débito, o vencimento do IPTU é nesta quinta-feira 21 de fevereiro. Após a data, ocorre incidência de multa, juros, protesto cartorário e inscrição da dívida serviços de proteção ao crédito, a exemplo do SPC e Serasa. Ao todo, 572.818 boletos com opções de pagamento à vista e da primeira parcela foram enviados aos contribuintes, mas as guias de pagamento também podem ser emitidas no site da prefeitura, o www.goiania.go.gov.br.

Saiba Mais
Locais onde a Prefeitura de Goiânia oferece atendimento presencial

Atende Fácil, central de relacionamento presencial com a Prefeitura de Goiânia
– Paço Municipal, das 07 às 19 horas: Avenida do Cerrado, 999, Park Lozandes
– Shopping Cidade Jardim, das 08 às 20 horas: Avenida Nero Macedo, 400, Cidade Jardim.
– Conselho Regional de Contabilidade, das 08 às 18 horas (para contabilistas): Rua 107, 151,Setor Sul.

– Vapt Vupt, postos de atendimento da Prefeitura de Goiânia:
– Vapt Vupt Araguaia Shopping, das 07 às 19 horas:  Rua 44, 399, Setor Central.
– Vapt Vupt Buena Vista, das 08 às 20 horas: Rua T-61, 180, Setor Bueno.
– Vapt Vupt Campinas, das 07 às 19 horas: Avenida Anhanguera, 7840, Campinas.
– Vapt Vupt Central do Servidor, das 07 às 19 horas: Rua 82, S/N, Praça Cívica.
– Vapt Vupt Mangalô, das 07 às 19 horas : Avenida Mangalô, Qd. 156, Setor Morada do Sol.
– Vapt Vupt Passeio das Águas, das 08 às 20 horas: Avenida Perimetral Norte, S/N, Mansões Goianas.
– Vapt Vupt Portal Shopping, das 8 às 20 horas: Avenida Anhanguera, 14.404, Bairro Capuava.
– Vapt Vupt Praça da Bíblia, das 7 às 19 horas: Avenida Anhanguera, 2727, Setor Leste Universitário.

Giselle Vanessa Carvalho, da editoria de Finanças

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *