Canteiros de obras recebem ação contra dengue, zika e chikungunya

Projeto 'Caçadores de Aedes aegypti' é uma parceria entre a Secretaria de Saúde de Goiânia e Seconci Goiás

Com o objetivo de evitar que imóveis em construção se tornem criadouros do mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, a Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia (SMS) realiza nesta quinta-feira, 1º, uma série de atividades em parceria com o Serviço Social da Indústria da Construção no Estado de Goiás (Seconci-Goiás). A ação formará uma equipe de caçadores do Aedes para intensificar o combate aos focos do inseto dentro dos canteiros de obras da Capital.

Vinte e duas empresas de construção civil confirmaram participação na primeira fase do treinamento e 54 obras estão previstas para receberem as visitas durante os seis meses de atividades. A proposta do projeto nomeado de “Caçador de Aedes aegypti” é orientar os operários para que saibam identificar possíveis criadouros e como agir para proteger materiais e equipamentos que possam acumular água.

As palestras de orientação da SMS serão ministradas pela superintendente de Vigilância em Saúde, Flúvia Amorim, e pelo biólogo e gerente de Controle de Animais Sinantrópicos, Welington Tristão. Entre os assuntos abordados estão a situação epidemiológica de dengue, zika e chikungunya em Goiânia, com apresentação de dados, ações de combate, biologia, controle do mosquito na construção civil e como o Seconci pode ajudar neste trabalho.

Segundo Flúvia Amorim, o projeto é importante para promoção da saúde à comunidade. ”Ações como essa garantem mais saúde e bem-estar aos trabalhadores e moradores que vivem próximos aos locais de obras. As palestras educativas e as atividades práticas são medidas eficazes para cumprir nosso objetivo de controle do mosquito”, ressalta.

A assistente social do Seconci Goiás, Joicy Lopes,  avalia que a iniciativa tem impacto direto na saúde do trabalhador, bem como da população em geral.  “A relevância está em capacitar os “caçadores de Aedes” para que tenham um olhar clínico na identificação de possíveis criadouros e locais com focos, a fim de erradicar o mosquito transmissor de doenças tão graves”, destaca. A proliferação do mosquito nas cidades vizinhas também será discutida e apresentada na palestra do coordenador de Vigilância Ambiental da Diretoria de Epidemiologia e Saúde Ambiental e Vigilância Sanitária de Aparecida de Goiânia, Iron Pereira de Sousa.

Para Welington Tristão, o passo mais importante é conscientizar os trabalhadores. “Orientá-los para eliminação dos possíveis focos no local de trabalho é a ideia principal. Além disso, os participantes também compartilham o aprendizado do curso em seus domicílios, contribuindo diretamente para o controle do mosquito na cidade”, destaca o gerente da SMS.

SERVIÇO

Assunto: Canteiros de obras recebem ação contra a dengue, zika e chikungunya

1.Treinamento Teórico de “Caçadores de Aedes”
Horário: a partir das 08 horas
Local: Sede do Seconci Goiás
Endereço: Rua C-136, nº 681, Qd. 307, Lt. 20/21, Jardim América, Goiânia-GO.

2. Treinamento Prático de “Caçadores de Aedes”
Horário: às 13h30
Local: Obra do Terral Hit Marista
Endereço: Rua Amélia Artiaga Jardim, Qd. 252, Lt. 24/26, setor Marista, Goiânia-GO

Anna Carolina Cruz, da editoria de Saúde
Foto: Anna Lúcia Almeida

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *