Técnicos da Prefeitura, Crea e UFG debatem drenagem urbana de Goiânia

Fórum segue até as 18 horas na sede do Crea-GO. Objetivo é traçar estratégias para melhoria e universalização da prestação dos serviços de saneamento na Capital

Especialistas se reúnem hoje, 30, durante todo o dia na sede do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Goiás (Crea-GO) para discutirem concepções, aspectos positivos, negativos, desafios e soluções para a drenagem urbana de Goiânia. Os técnicos foram convidados pela Prefeitura de Goiânia, por meio da Agência de Regulação de Goiânia (ARG), e representam entidades como a Universidade Federal de Goiás (UFG), o Crea-GO, a Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais, a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos e outras instituições afins.

Na abertura do Fórum, o presidente da ARG, Paulo César Pereira, explicou que o intuito do evento é provocar debates e aprofundar conhecimentos sobre drenagem urbana, a fim de alcançar propostas viáveis que sirvam de referência para a construção do Plano Municipal de Saneamento Básico de Goiânia. “A drenagem, como assunto de total interesse público, merece maior atenção. Por isso mesmo, os poderes executivo e legislativo municipais, aqui representados pela prefeitura e vereadores, respectivamente, devem estar atentos às recomendações técnicas”, completou Paulo César.

Francisco Almeida, presidente do Crea-GO, revelou que a entidade possui muitas propostas e sugestões para a situação da drenagem urbana na Capital. “Esperamos ainda poder debater demais questões de saneamento básico com a Prefeitura, em fóruns futuros, e ter a oportunidade de apresentar soluções sustentáveis para Goiânia”, afirmou, lembrando também da responsabilidade da Câmara de Vereadores em levar em conta as proposições de especialistas da área.

O representante da UFG Manoel Rodrigues reafirmou a disposição ao poder público de todos os estudos na área desenvolvidos na universidade. “Uma de nossas metas é estar mais perto da sociedade civil organizada e dos órgãos públicos para contribuir com a troca de conhecimentos e com a melhoria dos serviços demandados pela população goianiense”. Em nome do Ministério Público do Estado de Goiás, Juliano de Barros manifestou a satisfação da entidade em ver o Município colocar a drenagem urbana em discussão e planejar ações necessárias para readequar os serviços prestados.

Plano Municipal de Saneamento Básico >> goianiadofuturo.blog/pmsb

SERVIÇO

Fórum de Debates e Proposições sobre Drenagem Urbana de Goiânia
Data: 30 de agosto (quinta-feira)
Horário: das 8h às 18h
Local: Plenária do Crea-GO
Endereço: Rua 239, 561, Setor Leste Universitário, Goiânia – GO.

Mayara Chagas, da Diretoria de Jornalismo.
Fotos: Paulo José

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *