Comurg inicia poda de jamelões a fim de evitar acidentes de trânsito

Além da ação preventiva, Companhia e Amma desenvolvem projeto para substituição das árvores que deixam as vias escorregadias no período chuvoso

A Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg) iniciou a poda preventiva dos jamelões das avenidas e ruas da capital. O objetivo da ação é evitar acidentes de trânsito, principalmente no período chuvoso, e outros problemas ocasionados pela liberação do óleo produzido pelas frutas dessas árvores.

Desde o último dia 30, a Comurg trabalha na Avenida Fued José Sebba, no Jardim Goiás. No local, 148 pés de jamelões estão recebendo a poda. O corte atinge todas as laterais, sem comprometer a vida útil da árvore.

De acordo com o presidente da Companhia, Aristóteles de Paula Sobrinho, a ação é preventiva, tendo em vista que a Agência Municipal do Meio Ambiente (Amma), que acompanha todo trabalho, já desenvolve um projeto em parceria com a Comurg para realizar a extirpação dos jamelões.

‘Mudas de outras espécies adequadas para o perímetro urbano estão sendo produzidas nos viveiros da Companhia e serão plantadas entre os jamelões para que, gradativamente, sejam feitas as substituições das espécies de Syzygium cumini’, explica.

A Comurg estima que em Goiânia haja cerca de dez mil pés de jamelões espalhados pelos corredores das avenidas de setores como Jardim Guanabara, Jardim Presidente, Jardim Planalto, Cidade Jardim, Jardim Novo Mundo, Parque Amazônia, Jardim Atlântico, Vila Pedroso, Jardim Curitiba, Jardim Liberdade, dentre outros.

Hacksa Oliveira, da editoria de Urbanização

Fotos: Jackson Rodrigues

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *