Concurso “Paz na Escola. Eu curto!” premia escolas municipais de Goiânia

Iniciativa do Ministério Público do Estado de Goiás contemplou escolas de várias cidades de Goiás com computadores

Na manhã desta segunda-feira, 26, foi realizada a premiação do concurso Paz na Escola. Eu curto! do Ministério Público do Estado de Goiás (MPGO). A iniciativa faz parte do Projeto MP Amigo, que é desenvolvido pelo Centro de Apoio Operacional (CAO) da Educação do MPGO.

O concurso foi realizado em parceria com a Secretaria Municipal de Educação e Esporte (SME) de Goiânia, pela Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte (Seduce) e pela União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime). A competição teve por objetivo premiar as 12 escolas públicas que apresentassem os melhores projetos de inclusão digital e promoção da cultura da paz.

Como prêmios, o MPGO entregou até 20 computadores para cada uma das 12 instituições. As máquinas eram de uso do próprio Ministério Público, que as substituiu e resolveu dar como premiação no certame. Com a entrega dos mesmos, as escolas premiadas poderão implantar salas multifuncionais e laboratórios de informática.

Em Goiânia, pela Rede Municipal de Educação, foram premiadas a Escola Municipal Professor Lourenço Ferreira Campos, no Setor Guanabara; a Escola Municipal Paulo Teixeira de Mendonça, no Setor Negrão de Lima; e a Escola Municipal Professora Maria Nosídia Palmeira das Neves, do Residencial Barravento.

A cerimônia contou com apresentação do Coro Cênico, do Projeto Ciranda, da Educação Estadual e com a palestra do psicólogo e escritor Rossandro Klinjey, que falou às crianças sobre a importância dos estudos e aos pais, sobre como criar os filhos para aguentar o mundo.

Núbia Alves, da editoria de Educação e Esporte
Fotos: Aline Cavalcanti

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *