Prefeito presta contas e responde questionamentos dos vereadores

Durante mais de três horas, Iris Rezende falou do resultado fiscal de 2017 e discorreu sobre ouros temas arguidos pelos vereadores presentes à sessão

O prefeito Iris Rezende foi à Câmara Municipal na manhã desta segunda-feira, 19, onde por mais de três horas falou aos vereadores e prestou contas da sua gestão, referente ao 3º quadrimestre de 2017.

No seu discurso inicial, o prefeito demonstrou a satisfação de comparecer à Câmara, principalmente por poder mostrar à população um novo cenário que se desenha na cidade. “Mesmo em tão pouco tempo, caminhamos bastante, estamos avançando firmes em direção a tempos melhores”, disse Iris Rezende.

Quanto ao resultado fiscal do exercício passado, motivo maior da sua convocação à Casa de Leis, Iris Rezende destacou os avanços conquistados no primeiro ano de gestão e salientou os esforços desprendidos por toda sua equipe para que a Prefeitura fechasse o ano com números positivos.

“A dívida imediata da Prefeitura chegava a R$ 600 milhões, com déficit mensal na casa dos R$ 30 milhões. Ao final de 2017, conseguimos pagar R$ 378 milhões dessas dívidas e reduzir o déficit mensal para coisa de R$ 22 milhões”, explicou.

O prefeito também falou dos avanços na área da Saúde e lembrou que foram investidos na pasta mais de R$ 1,1 bilhão no ano passado e que entregou aos moradores da Capital o Centro de Saúde da Vila Redenção, o serviço de urgência do Ciams do Novo Horizonte, o Centro de Saúde da Família do Recanto das Minas Gerais e o Ciams do setor Urias Magalhães.

“Além disso, retomamos as obras da Maternidade Oeste e iniciamos a construção da UPA do Jardim América. Reformamos mais de 60 unidades do Programa Saúde da Família e contratamos mais de 500 médicos”, afirmou o chefe do executivo.

Na área da Educação, Iris Rezende lembrou aos vereadores que 3.625 professores e servidores aprovados em concurso foram convocados, sendo que mais de dois mil foram nomeados e já estão trabalhando. “Inauguramos dois Cmeis e reformamos 183 escolas municipais. Criamos mil novas vagas no Ensino Fundamental”, disse, lembrando ainda que investiu mais de R$ 900 milhões na pasta em 2017.

Indagado sobre a retomada das obras do BRT, o prefeito esclareceu que, desde a paralisação das obras, ocorrida em junho do ano passado por determinação dos órgãos de controle Federal, vem, diuturnamente, trabalhando para sua retomada. “Fizemos um duro esforço para pagar a contrapartida da Prefeitura e fomos surpreendidos com a suspensão dos repasses. Não paramos um só minuto de buscar a solução para a retomada dessa importante obra e posso garantir que ela será retomada nos próximos dias”, afirmou.

Sobre a conclusão da Leste/Oeste, no trecho leste da via, o prefeito destacou que cobrou do governador Marconi Perillo celeridade no convênio com o Estado. ‘Temos o projeto e estamos aguardando o governo para que possamos iniciar as obras. É uma prioridade pra mim, pois sei que esta avenida vai auxiliar de forma significativa a mobilidade em nossa cidade.’

Questionado sobre a pavimentação dos bairros que ainda não contam com o benefício, Iris Rezende disse que os projetos para o asfaltamento de cerca de 30 bairros já estão em andamento e que pretende iniciar as obras ainda este ano, mas que vai depender das condições financeiras da Prefeitura. “Começar e paralisar dali 2 meses por falta de recursos, eu não faço isso”, asseverou.

Ao final da sessão, o prefeito Iris Rezende ouviu discursos elogiosos à secretaria de Saúde do Município, Fátima Mrué, que tem implantado relevantes mudanças na saúde pública municipal. O vereador Romário Policarpo, por exemplo, disse que a secretária é merecedora do reconhecimento daquela Casa, uma vez que as suas ações têm sido imprescindíveis para melhorar o atendimento e garantir qualidade na rede municipal de saúde.

‘Estou convicto e seguro das mudanças implantadas pela secretária Fátima Mrué. A gestão está mudando paradigmas e as filas estão acabando’, concluiu o vereador.

O prefeito volta à Câmara em maio para a prestação de contas do 1º quadrimestre de 2018.

Cloves Reges, da Diretoria de Jornalismo.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *