Comurg reaproveita podas de grama e de árvores

Material vira adubo e é utilizado nos viveiros da Companhia, gerando economia para o município

A Prefeitura de Goiânia, por meio da Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg), trabalha com o reaproveitamento das podas de gramas, árvores e plantas ornamentais de praças e avenidas da Capital. Os resíduos são utilizados como adubo nos viveiros da Companhia, gerando benefícios ao meio ambiente e economia para o município.

As sobras provenientes das podas de gramas são levadas até o Aterro Sanitário e misturadas com os resíduos de árvores, de outras plantas ornamentais e também com a casca de arroz que é recolhida todos os anos nos stands da Pecuária de Goiânia.

De acordo com o presidente da Companhia, Denes Pereira Alves, esse processo é essencial. ‘O reaproveitamento deste material como adubo orgânico beneficia o meio ambiente, fortalece as raízes, flores e frutos e ainda traz economia para o município porque reduz gastos com produtos para adubação’, ressalta.

Denes Pereira explica que depois de algumas semanas em maturação esse material é misturado com terra e colocado em um recipiente que recebe as novas mudas, gerando mais uma economia para o município, pois dispensa a aquisição de parcela de substrato que seria necessário para a produção de mudas.

Luciano Magalhães Diniz, da editoria de Urbanismo
Fotos: Luciano Magalhães

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *