Projeto forma caçadores de Aedes aegypti para atuar em obras

Secretaria Municipal de Saúde e empresas de construção civil de Goiânia se unem para combater focos do mosquito e reduzir índice de infestação

A Prefeitura de Goiânia declarou guerra ao mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya e não tem dado trégua ao Aedes. Na luta contra o vetor, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) ganha mais aliados nesta quarta-feira, 1°.

Por meio do projeto ‘Caçador de Aedes aegypti’, uma parceria com o Serviço Social da Indústria da Construção no Estado de Goiás (Seconci – Goiás), a SMS quer formar uma equipe de colaboradores para intensificar o combate aos focos do inseto dentro dos canteiros de obras da Capital. As atividades têm duração de seis meses.

Dezoito empresas da construção civil já confirmaram participação na primeira etapa do curso. Cada construtora enviará uma equipe formada por um responsável técnico e mais dois colaboradores para o treinamento. As aulas teóricas serão realizadas na sede do Seconci – Goiás e os alunos irão praticar em atividades em um canteiro de obras no setor Bueno. 

De acordo com a superintendente de Vigilância em Saúde da SMS, Flúvia Amorim, o projeto é importante para reduzir os índices de infestação. ‘Como existem muitos recipientes nestes ambientes, a água pode ficar acumulada e servir de criadouros para o Aedes’.

No treinamento prático, técnicos da SMS irão aos canteiros orientar sobre como identificar criadouros e proceder com materiais e equipamentos que acumulem água.

‘Para o momento teórico está prevista a apresentação de uma palestra sobre as doenças transmitidas pelo mosquito e orientações sobre fiscalização de obras, como notificações e multas. Os representantes das empresas também poderão ver em detalhes, por meio do uso de microscópio, como é o Aedes aegypti’, ressalta a coordenadora do projeto junto ao Seconci – Goiás, a assistente social Joicy Pimenta.

Além do trabalho direto nas obras, o projeto se expande para fora dos canteiros e chega até as casas dos trabalhadores. ‘A iniciativa contribui para que os participantes levem os aprendizados do curso para suas famílias e ampliem as ações de combate em suas residências e adjacências’, destaca a superintendente da SMS, Flúvia Amorim.

Além de mediar o contato entre as construtoras e a Secretaria Municipal de Saúde, o Seconci Goiás irá fornecer o material educativo impresso que será distribuído nas obras.

SERVIÇO
Assunto: Projeto forma caçadores de Aedes Aegypti para atuar em obras

Data: Quarta-feira, 1° de novembro de 2017
Horário: A partir das 8h treinamento teórico na sede do Seconci Goiás e às 13h30 treinamento prático no canteiro de obra do Residencial Detail Vaca Brava
Endereços: Sede do Seconci – Goiás – Rua C-136, nº 681, Qd. 307, Lt. 20/21, setor Jardim América; Residencial Detail Vaca Brava – Rua T-54, Qd. 100, Lt. 06/07, setor Bueno.

Texto: Pedro Ferreira, da editoria de Saúde. Com informações do Seconci – Goiás

Foto: Anna Lúcia Almeida

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *