FestCine Goiânia tem noite dedicada à João Novaes

Além da exibição de filmes, cineasta também lança livro no Goiânia Ouro

A noite desta sexta-feira, 15, do FestCine Goiânia, festival de cinema organizado pela Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (Secult Goiânia) será dedicada ao cineasta, produtor, filósofo e escritor, João Novaes.

João Novaes, aproveita o momento de reunião para lançar seu livro “Sublimações – A imortal tragédia do amor mortal”, que é uma compilação de sua criação poética ao longo de mais de 20 anos, já que ele escreve desde os 14. Cantos de Glastonbury, Paris, Amsterdam, Lisboa, Sintra, Londres, Assis e muitos outros lugares iluminam este livro com suas cores, formas e peculiaridades retratadas. A influência do cinema é visível em muitos versos. “Escrever sonetos sempre foi um gesto libertador, desde quando me apaixonei por sua métrica e forma, lendo gigantes como Álvares de Azevedo e Cruz e Sousa. Depois Rimbaud, Baudelaire, Lord Byron e tantos outros. Mas muito mais do que a métrica, a forma do soneto sempre foi apaixonante, sua musicalidade. Essa síntese tão poderosa que faz jorrar em dois simples quartetos e outros dois simples tercetos, tudo aquilo que se sente no momento”, descreve.

Às 20 horas, o público poderá conferir três filmes do diretor, “Verdade Marcada pra Viver”; “Graffiti em ruínas e outros muros” e “Uma visita”.

Fichas técnicas:

Verdade marcada pra viver – Doc. – 29 min – 2004;
Sinopse
Verdade marcada para viver é um documentário feito nos moldes do cinema verdade que celebra os 40 anos das primeiras filmagens de Cabra marcado para morrer, obra maior de Eduardo Coutinho. O vídeo discute as diferenças entre cinema direto e cinema verdade e desvela um dos maiores documentaristas do país.

Ficha Técnica:
Direção e roteiro: João Novaes
Fotografia: João Novaes e Márcio Venício
Trilha Sonora: Hendrik Huthoff
Montagem: Carlos Cipriano

Graffiti em ruínas e outros muros – Doc. 35 min – 2009
Sinopse
Grafitti Ruínas e Outros Muros é um documentário que retrata processos de intervenção urbana que utilizaram o grafitti como forma de transformação lúdica do meio ambiente caótico da cidade.O vídeo apresenta alguns destes vândalos e sua arte publica, ao mesmo tempo evanescente e perene,quotidiniamente destruída pela propaganda desenfreada nas ruas e muros de Goiânia

Ficha Técnica:
Direção : João Novaes
Assistente de direção Coelho Nunes
Produção executiva : Pedro Novaes e Paulo Paiva
Produção : Pedro Guimarães
Diretor de fotografia : Eduardo castro
Câmeras: Michel Duarte , Eduardo castro, coelho Nunes, João Novaes, Denir calassara
Assistente de câmera : Denir calasssara
Luz : Rooswelt
Som : Vítor pimenta
Editor: Sérgio Valério

Uma visita – Doc.11 min – 2016
Sinopse
Uma visita é um documentário poético dirigido por João Novaes que leva o espectador a uma jornada pelo atelier de Siron Franco. É uma imersão em seu universo imagético e em seu processo criativo. O curta é fruto do CRASF – Centro de Referência das Artes Siron Franco que está fazendo a catalogação digital de toda a obra do artista.
Ficha Técnica
Direção e roteiro: João Novaes
Fotografia: João Novaes
Montagem: Sergio Valério e Coelho Nunes
Direção de arte: Siron Franco

Serviço:
FestCine Goiânia – Noite de Cinema João Novaes
Dia 15 de setembro de 2017.
Horário: 19h – Lançamento do Livro “Sublimações – A imortal tragédia do amor mortal
20h – Exibição dos filmes
Local: Centro Municipal de Cultura Goiânia Ouro (Galeria Ouro, Rua 3, esquina com Rua 9, Centro)
Entrada Franca

Janda Nayara, da editoria de Cultura

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *