Escola de Goiânia recebe educadores que viajam país em busca de ideias inovadoras

Profissionais visitaram a Escola Municipal José Carlos Pimenta e conheceram a ação "Alimente heróis com livros"

A manhã desta sexta-feira, 1º de setembro, na Escola Municipal José Carlos Pimenta, Distrito Rural Vila Rica, foi marcada pela visita do casal Carolina Menna e Gustavo Lendimuth, idealizadores do projeto Re-conhecendo o Brasil. Eles são educadores e viajam o país de carona em busca de iniciativas e projetos inovadores na área educacional.

O casal escolheu a escola para conhecer a ação “Alimente heróis com livros”, promovida pelo professor Cléssio Bastos, que conseguiu arrecadar mais de cinco mil reais, por meio de doações ao projeto “Looking4heroes”, para a compra de livros literários. “A visita deles é resultado do reconhecimento do nosso trabalho. São pessoas novas, com muitas experiências para serem trocadas e isso é importante para os nossos alunos, para que eles sejam desenvolvidos pedagogicamente e humanamente também. Eles tiveram a possibilidade de conversar com pessoas com visões diferentes, sobre diversas realidades”, pontuou o professor.

Carolina Almeida contou que conheceu o projeto pela internet e se interessou em conhecer. “Acabei de me formar em Pedagogia. A nossa ideia com o projeto é conhecer de perto o que já ouvimos falar, ir até lá e explorar. O que mais estamos gostando é de conhecer as pessoas, ver como elas vivem, o que fazem e como trabalham. Está sendo o maior aprendizado da minha vida e acredito que assim serei uma educadora melhor”, afirmou.

Para Gustavo Lendimuth, a experiência tem sido muito enriquecedora também. “Acho que essa experiência com outras cidades vai me tornar um profissional melhor, com capacidade de melhor desenvolver meus alunos. Acontecem muitos projetos legais pelo país afora, como este aqui, que pode fazer toda a diferença na formação de pessoas”, ressaltou.

A aluna Jenyfer Brito, de 14 anos, ficou orgulhosa em receber o casal. “Achei interessante eles virem na nossa escola. Nas fotos que nos mostraram vi que eles já conheceram muitas coisas por aí, histórias de crianças que passam por muita dificuldade para estudar, muitas que não tem material escolar, não tem transporte para chegar à escola. E eles se comovem, se emocionam com tudo que conhecem. Achei bem legal!”, contou.

Lívia Máximo e Luiz Fernando Hidalgo, da editoria de Educação e Esporte

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *