Guarda Civil encerra campanha contra o cerol sem nenhuma vítima

Em 46 dias de ação foram apreendidos mais de 300 mil metros de linha com cerol comum, além de 155 latas e 34 carretéis de linha chilena

Cerol de vidro comum, linhas chilenas e outros materiais apreendidos durante a campanha ‘Pipa sem Cerol’ serão apresentados pela Guarda Civil Metropolitana à imprensa nesta sexta-feira, 4, às 10h, no hall do Paço Municipal. A corporação encerra a campanha sem nenhum registro de vítima. Foram 46 dias de ação com objetivo de alertar a população sobre os perigos da mistura de cola com vidro moído que é passada na linha das pipas.

De acordo com o comandante da corporação, Inspetor José Eulálio, foram apreendidos mais de 300 mil metros de linha com cerol comum, além de 155 latas e 34 carretéis de linha chilena. ‘Nós vamos apresentar todo esse material e comunicar que a campanha teve um saldo positivo, sem vítimas este ano na Capital”, ressaltou.

Dados das campanhas anteriores
Em 2010, o cerol fez 47 vítimas, com quatro mortes; no ano de 2011, houve uma morte; em 2012, não houve vítima fatal; já em 2013 aconteceu a morte da jovem Gleice Évelyn, 22, moradora da região Oeste de Goiânia. No ano de 2014, Goiânia não registrou nenhum acidente fatal; em 2015 houve o registro de uma morte; e em 2016 não houve vítima fatal.

Serviço:
Assunto: Guarda Civil apresenta material apreendido em campanha contra o cerol
Data: 4 de agosto (sexta-feira)
Horário: 10h
Local: Paço Municipal (no hall, próximo ao heliponto)
Mais informações: Comunicação Social da GCM, 3524 8619/9 9160 8994.

Luiz Galvão da editoria de Segurança

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *