Prefeito visita primeiro Caps 24 horas de Goiânia durante Mutirão

Unidade no Novo Mundo atende pacientes das regiões Leste e Norte da Capital e é referência em assistência às pessoas com transtornos mentais moderados e graves

Dentro da programação do 4ª Mutirão da Prefeitura, realizado na região Leste de Goiânia, o prefeito Iris Rezende visitou hoje, 29, o Centro de Atenção Psicossocial (Caps) do Novo Mundo. O serviço na unidade passa a oferecer atendimento de saúde mental 24 horas. A pedra fundamental desse Caps foi lançada em 2009 por Iris Rezende. A unidade se torna referência na continuidade do cuidado para pessoas em crises e com intenso sofrimento psíquico decorrente de transtornos mentais moderados, graves e persistentes, incluindo aqueles que passaram por internações psiquiátricas.

‘Na prática a unidade já funciona 24 horas desde o início do mês de julho. Antes, nenhum dos dez Caps da Capital ofereciam este tipo de serviço e atendiam de segunda à sexta-feira no período diurno’, pontua a gerente de Saúde Mental da Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia (SMS), Kellem Oliveira. Ao receber pacientes para passarem a noite e os finais de semana, o Novo Mundo garante assistência mais humanizada às pessoas com transtornos mentais e contribui para redução do número de internações psiquiátricas como preconiza a Política Nacional de Saúde Mental do Ministério da Saúde.

Com o serviço, os pacientes que fizerem acompanhamento na unidade durante o dia e ainda precisarem de cuidados podem prolongar a estadia no local por mais tempo. ‘Antes, no final da tarde, era necessário encaminhar os usuários para casa pois não tínhamos condições de assistir essas pessoas por mais tempo’, explica o coordenador geral do Caps Novo Mundo, José Calixto. Apesar de funcionar em período integral, é importante destacar que o acolhimento dos usuários é realizado até as 18 horas de segunda a sexta-feira. A unidade não presta atendimento de urgência e emergência e para tais situações o indicado é procurar o Pronto Socorro Psiquiátrico Wassily Chuc.

Estrutura
Com cerca de 1,2 mil prontuários cadastrados, o Caps Novo Mundo atende em média de 70 pessoas por dia. A unidade conta com duas equipes multiprofissionais compostas por psicólogos, terapeutas ocupacionais, educadores físicos, musicoterapeutas e assistente social. Há ainda sete médicos na unidade, sendo que, destes, cinco atuam na especialidade de psiquiatria. A unidade possui oito leitos para acompanhamento dos pacientes durante o período noturno e aos sábados, domingos e feriados. Destes, quatro para o público feminino e quatro para o masculino.

A viabilização do serviço na unidade em período integral exigiu da SMS uma série de adequações para melhor atender a população e os servidores que atuam no local. Durante o quarto Mutirão da Prefeitura, o Caps receberá melhorias na iluminação da parte externa, como no espaço de convivência, estacionamento e área verde. Também estão previstos reparos do telhado, pintura de paredes e recuperação de forros.

Pedro Ferreira, da editoria de Saúde

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *