Zoonoses realiza ação educativa sobre controle de animais

Com a expansão das cidades, esses animais se adaptaram à vida urbana e podem trazer incômodo aos seres humanos

Durante o 4° mutirão da Prefeitura de Goiânia, que ocorre neste sábado e domingo, dias 29 e 30, a Diretoria de Vigilância em Zoonoses vai contar com estande onde será feito trabalho educativo com os moradores da região leste da Capital. No local, será montada uma espécie de laboratório onde haverá larvas, mosquitos do Aedes aegypti e animais peçonhentos. As espécies serão expostas e os profissionais presentes orientarão a população sobre o Aedes e importância do controle de outros animais, como pombos, ratos e escorpiões.

Ratos, morcegos, escorpiões, pombos, abelhas e caramujos são exemplos de animais que, com a expansão das cidades, se adaptaram à vida urbana, mas transmitem doenças e por isso a presença deles se torna indesejável. Eles apresentam riscos à saúde da população e são chamados de animais sinantrópicos.

“Esses animais são transmissores de vírus, bactérias ou mesmo protozoários”, explica o superintendente de Vigilância em Saúde, Robson Azevedo. Essas espécies são silvestres, ou seja, dentro do próprio ecossistema elas podem viver tranquilamente. “Mas com a expansão de área urbana e desmatamento, esses animais ficaram sem condições de sobrevivência e se adaptaram ao meio urbano”, afirma Azevedo. A população pode entrar em contato com a Diretoria de Vigilância em Zoonoses por meio dos telefones do “Disque Aedes”, 3524-3125 ou 3524-3131.

Serviço
Assunto: Zoonoses realiza ação educativa sobre controle de animais
Data: Sábado, 29, e domingo, 30 de julho de 2017
Horário: Sábado das 8 horas às 17 horas e Domingo das 8 horas às 12 horas
Local: Avenida Anápolis com a rua JDA – 6, no Jardim das Aroeiras – Região Leste
Mais informações: 3524-1511

Roberta Rodrigues, da editoria de Saúde
Foto: Anna Lúcia Almeida

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *