Prefeitura de Goiânia abre Conferência Municipal de Assistência Social

Proposta é avaliar a situação da Assistência Social em âmbito local e propor diretrizes para o aperfeiçoamento do sistema

A Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social e em parceria com o Conselho Municipal de Assistência Social, promoveu nesta quarta-feira, 28, a solenidade de abertura da XII Conferência Municipal de Assistência Social de Goiânia. O evento, realizado no auditório Jaime Câmara, da Câmara Municipal de Goiânia, contou com a participação da sociedade civil organizada, usuários e representantes da comunidade.

Com o tema “Garantia de Direitos no Fortalecimento do SUAS”, a proposta da conferência é avaliar a situação da Assistência Social em âmbito local e propor diretrizes para o aperfeiçoamento do sistema, buscando trazer os usuários, sua realidade de vida, direitos e demandas de acesso, como centro do debate e do planejamento da política de Assistência Social.

Evento contou com apresentação cultural da orquestra sinfônica Profetas do Cerrado. O grupo é formado por 25 adolescentes e jovens que fazem parte do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos da entidade conveniada Associação Polivalente São José.

Participaram da mesa diretiva a presidente do Conselho Municipal de Assistência Social, Patrícia Souza; a secretária de Assistência Social, Márcia Carvalho, no ato representando o prefeito Iris Rezende; a representante da Secretaria Estadual da Mulher, do Desenvolvimento Social, da Igualdade Racial, dos Direitos Humanos e do Trabalho, Maria de Fátima Pires, no ato representando a secretária Leda Borges; a representante do Conselho Estadual da Assistência Social, Camila Fajardo Beja; o representante do Conselho Estadual da Pessoa com Deficiência, Wellington Veloso de Carvalho, representando no ato a presidente Carmem Patrícia e o representante do Conselho Nacional da Assistência Social (Cnas), Carlos Nambu.

A titular da Semas, Márcia Carvalho, lembrou a importância da conferência. “Este é um momento importante para todos que aqui estão, pois discutiremos, debateremos e aprenderemos um pouco mais. Desejo a todos uma conferência profícua e que o resultado final seja políticas públicas eficazes no âmbito da assistência social no município de Goiânia”, disse.

Ao final, foi realizado a leitura, análise e aprovação do Regimento Interno da Conferência.

A conferência continua nesta quinta-feira, 29, das 7h30 às 17h e nesta sexta-feira, 30, das 8h às 12h30, com palestras, oficinas, plenárias e com a escolha de delegados para a Conferência Estadual de Assistência Social, no Auditório Lago Azul do Centro de Cultura e Convenções de Goiânia.

Roberta Amorelli, da editoria de Assistência Social

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *