Milhares de pessoas participam do Mutirão a procura de serviços

Primeiro dia atraiu interessados em atendimentos na área da saúde, jurídica, expedição de documentos e cuidados com a beleza

O Mutirão da Prefeitura na região Sul, concentrado na Praça da Feira, no Parque Atheneu, realizou grande número de atendimentos na manhã deste sábado, 24. Em muitos estandes, era possível ver filas de pessoas aguardando para ter problemas jurídicos solucionados, por exemplo, ou consultas médicas agendadas.

Apesar dos serviços serem muito requisitados, o atendimento era rápido e satisfatório para a população. É o caso da dona de casa Sônia Fernandes, 59, que veio do bairro onde mora, Setor Tropical Ville, do outro lado da cidade, em busca da solução de um antigo problema. Separados há dois anos, ao ver na televisão a propaganda da frente de serviços itinerantes e gratuitos oferecidos pela Prefeitura, Sônia chamou o ex-marido, o eletricista Amado Domingos Alves, de 66, para se divorciarem.

Os dois não acreditaram, mas o atendimento feito pela Defensoria Pública durou cerca de dez minutos. Juntos, saíram com o divórcio em mãos. Para resolver o caso, precisaram trazer documentos pessoais como CPF, carteira de identidade e comprovante de endereço.

O padeiro Reginaldo Sousa, de 28, morador do Jardim Novo Mundo, trouxe a sogra que havia agendado uma consulta por telefone com uma médica especialista em otorrinolaringologista no Mutirão. Enquanto ela era atendida, Reginaldo aproveitou para levar a filha Carla Sofia Sousa, de 4 anos, para brincar e participar das oficinas de pintura no rosto e acompanhar apresentações culturais feitas por crianças das escolas municipais de Goiânia.

Já a pensionista Terezita Antunes, de 64, acordou determinada a melhorar sua autoestima, por isso procurou os serviços de beleza da Secretaria Municipal de Assitência Social (Semas). “Vim ficar bonita”, ressaltou ao terminar de cortar o cabelo.

O Mutirão da Prefeitura tem prosseguimento neste sábado à tarde, até 18 horas, e amanhã, 25, até o meio dia.

Luciano Joka, da Diretoria de Jornalismo

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *