Prefeitura leva consultório móvel da Saúde para Mutirão

Estrutura facilita atendimento à população que procurar os serviços de saúde durante o evento. Mutirão ocorre neste final de semana, sábado, 3, e domingo, 4, no Parque das Flores, região Norte da Capital

Um consultório móvel com cerca de 40 m² concentrará os serviços da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) durante o primeiro Mutirão da Prefeitura de Goiânia, que ocorre neste fim de semana, sábado, 3, e domingo, 4, no Parque das Flores, região Norte da Capital. A proposta da estrutura, que é inédita neste tipo de ação do município, é facilitar o atendimento e oferecer mais comodidade a quem procurar o evento. Além dos serviços no “trailer da Saúde”, ações externas ao Mutirão também serão realizadas na região Norte, como a retomada das obras do Centro Integrado de Assistência Municipal de Saúde (Ciams) Urias Magalhães e a intensificação do combate ao mosquito Aedes aegypti.

Quem procurar os serviços de saúde no Mutirão poderá realizar testes oftalmológicos, como os de glaucoma e daltonismo, realizar exames de triagem para doenças crônicas, como aferição da pressão arterial, e dosar a quantidade de açúcar no sangue pelo teste de glicemia. Pelo cálculo do Índice de Massa Corporal (IMC), poderá ser avaliado se as pessoas estão dentro do peso considerado ideal. Exame que mede o nível de colesterol sanguíneo também será disponibilizado durante o evento.

Consultas pré-agendadas na área de oftalmologia e o exame de eletrocardiograma, utilizado para o chamado “risco cirúrgico”, serão realizados durante o Mutirão. A SMS entrou em contato previamente com as pessoas para informar que poderão procurar o consultório móvel para o atendimento especializado. O objetivo é facilitar o acesso aos pacientes da região que aguardam na fila para os procedimentos. Com o Mutirão, as pessoas não precisarão se deslocar para outras unidades de saúde.

Serviços

Para as pessoas dos grupos prioritários que deixaram para última hora, uma sala de vacinas vai oferecer doses contra a gripe. A estratégia faz parte do segundo dia “D” de mobilização da campanha de vacinação contra influenza. No local também serão disponibilizadas vacinas contra meningite, HPV, febre amarela e hepatite para todos que precisarem ser imunizados. É importante levar o cartão de vacinação para que os profissionais o avaliem durante o Mutirão.

Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) estará no local para que as pessoas conheçam a estrutura interna do veículo e tirem dúvidas sobre a assistência prestada pelos profissionais que atuam nas situações emergenciais na Capital. Médicos e enfermeiros vão orientar em quais situações o telefone 192 deve ser acionado e oferecer panfletos educativos para a população.

Durante o Mutirão, no espaço reservado para a equipe da zoonose, as pessoas poderão tirar dúvidas sobre o Aedes aegypti e controle de animais como escorpiões, pombos e ratos. Cerca de 60 agentes de combate a endemias vão intensificar as ações contra o mosquito Aedes nos bairros da região Norte. As equipes devem visitar os imóveis, eliminar criadouros e orientar a população que mesmo fora do período chuvoso a vigilância contra o vetor deve ser mantida.

Entre as obras programadas para o Mutirão, os serviços no Ciams Urias Magalhães serão intensificados. O objetivo é seguir com os trabalhos para reabertura da unidade. A Sociedade Brasileira de Cardiologia – regional Goiás, o Grupo Cesar, o Lions Clube e a Floricultura Las Palmas são parceiros da Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia durante o 1º Mutirão da Prefeitura.

Pedro Ferreira, estagiário da editoria de Saúde

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *